Autoras da casa: Beatriz Lima

Por: Leia Mulheres | Em: 9 / abril / 2021

Em março de 2021 o Leia Mulheres completa seis anos. Ao longo desse tempo, conhecemos o trabalho de muitas mediadoras do projeto, que também são talentosas escritoras.

Como uma forma de comemorar o nosso aniversário e para homenagear essas mulheres que se dedicam ao Leia Mulheres, decidimos divulgar o trabalho das mediadoras enquanto escritoras. Leia Mulheres, inclusive as que leem outras mulheres. :)

Você já foi ao Sertão ?

Sou filha do nordeste
Em Sergipe Eu nasci
E foi em Na Sra da Glória
Que meus pais decidiram residir.

Filha do alto sertão sergipano
Terra muito esplendorosa
Onde temos muito leite
Criação de gado e horta
Sertaneja sim senhor
Levo a vida com louvor.

Ao bater das seis da noite
Dobro meu joelho e oro a ela
A mãe de todas as mães
Na Sra tão bela
Abençoa o sertanejo
Em casa, igreja ou capela.

Meu sertão não é só seca
Tire logo essa ilusão
Meu sertão é coisa bela
Mais ainda no São João.

Um lugar lindo e animado
E se não acreditar
Te convido, venha cá
Conhecer e visitar
Quem conhece o sertão
Logo quer aqui morar.

Acabei de te contar
Nos meus versos bem falados
A história de meu lar
Um sertão muito amado
De gente boa, humilde
E por Deus abençoado.

Nessa cidadezinha
Se um dia você passar
Aproveite o sertão
Não deixe de apreciar
Sinta a paz desse lugar
E pare pra prosear.

Mês Junino!

Vim aqui pra prosear
Do fundo do coração
Junho acaba de chegar
É o mês de São João.

E junto com João, Antônio e Pedro
Junto com os santos lá no céu
Festejando o tempo inteiro.

Festa junina é tradição
Não sei quando começou
Nem tem previsão de acabar
Só sei que todo mundo
Adora forrozear.

Tradição linda de bunita
Todo sertanejo adora batucar
Tem forró da igreja
Forró da cidade
Forró da vizinhança
O importante é forrozear.

Ascende a fogueira iáiá
Vamos aos três Santos homenagear
Ascende a fogueira ióió
A festança dos fogos chegou.

Milho cozinho, canjica, pamonha e milho assado
Cocada é gostosura
Na festa pra todo lado.

Quadrilha junina, Xaxado
Xote e também Baião
Puxa seu parceiro
E vamos xaxar batendo a sandália de couro no chão.

Junho trás tradição
Orgulho de um povo
Trás amor e união
E até nessa quarentena
Vai esquentar seu coração

Em isolamento social
Não poderemos xaxar agarradinho no meio do salão
Mas nada nos impende
De comemorar nosso São João.

Liga a música na sala de casa
Puxa você mesmo pra dançar
Pega o milho e põe pra assar
Liga em vídeo
E assim vamos juntos forrozear.

A distância física não vai nos abalar
Pois mesmo a distância
Nossos corações vão se tocar
O importante é ter sentimento e no coração guardar
Cada um que contigo
Vai forrozear
E mais um ano fazer essa tradição brilhar.

E pra finalizar
Meu amigo e minha amiga
Preste muita atenção
Lembre-se que pra entrar no céu
Temos que fazer parceria com São Pedro, amigo de São João.
Então não se engane
Vá logo ascendendo a fogueira
E soltando um rojão.

Prazer, Anne Beatriz Lima Oliveira, ou como gosto de ser chamada, Beatriz Lima. Estudante de medicina veterinária, apaixonada pela vida animal, se descobrindo no mundo das palavras, que formam versos, que formam poesias.

Leia Mulheres

Veja outros posts de Leia Mulheres